Bolivia TRINIDAD catalunia Angola portorico dominica Chile México India Israel malasia noruega Australia Mozambique colombia Equador Camboya Bulgaria Romenia Costa Guatemala Polonia Lanka Suiza Vietnam Panama Finlandia Belgica Tailandia Bhutan San Domingo Peru

domingo, 20 de janeiro de 2019

Primeiro encontro com Aliens será chocante, aposta astrofísico de Harvard

Para Avi Loeb, existência de seres extraterrestres não é mera especulação
Imagem: Getty Images

Como será o primeiro contato da humanidade com extraterrestres? O presidente do departamento de astronomia de Harvard, Avi Loeb, projeta um encontro chocante, mas que entrará para história como um dos momentos mais marcantes. Em uma entrevista concedida ao jornal alemão "Der Spigel" em janeiro, Loeb, famoso pelos seus comentários sobre aliens, compartilhou suas expectativas pessoais. Para ele, é difícil prever como será a reação de humanos em um eventual encontro com extraterrestres, mas ainda assim palpitou. "Será chocante, porque nós temos vieses de nossas próprias experiências, imaginamos que outros seres são similares a nós. Mas talvez eles sejam radicalmente diferentes", projetou o astrofísico.

O presidente do departamento de astronomia de Harvard é um dos autores do estudo que apontou que o asteroide Oumuamua poderia "ser uma sonda totalmente operacional enviada intencionalmente para as proximidades da Terra por uma civilização alienígena". Loeb também imagina que as misteriosas rajadas rápidas de rádio podem ter origens de seres extraterrestres. A confirmação de qualquer uma dessas especulações seria, para ele, um marco na civilização humana. Se você pensar na história da humanidade, a perspectiva mudou conforme evoluímos, do indivíduo para a família, para a tribo, para um país e para continentes onde pessoas estão vivendo. 

Se encontrarmos outros seres além do planeta Terra, esse seria nosso maior passo Avi Loeb Loeb ainda argumentou que pensar em civilizações distantes não é especulação. Para sustentar sua lógica, o astrofísico citou o que ele chama de "princípio da modéstia cósmica". "Sabemos que existimos, então pelo menos um tipo de vida desenvolveu tecnologias avançadas. E sabemos que há condições semelhantes às da Terra em um quarto de todos os sistemas planetários em torno de outras estrelas. Por que, então, não haveria seres inteligentes em outros lugares? 

Nós, humanos, costumamos pensar que somos especiais, mas a história mostrou repetidas vezes que isso é uma ilusão", afirmou. O cientista recordou da crença que a Terra era o centro do Universo, desbancada com a descoberta de que ela girava em torno do Sol, "que gira em torno do centro da nossa galáxia, que é apenas uma em bilhões de outras no Universo". "Se há outros seres inteligentes por aí, há uma chance de eles serem muito mais avançados tecnologicamente do que nós", completou. Agora, se alguém tem dúvidas se Loeb leva o tema alienígenas na brincadeira, o astrofísico deixou claro que não é o caso. Quando perguntado sobre qual ET fictício era seu favorito, ele explicou que não curte ficção científica. O problema? Que esses filmes violam leis da física. "Nesses casos, não consigo aproveitar a experiência esteticamente."
Mais um post by: UFOS ONLINE

                                                    Veja o Vídeo Abaixo:

sábado, 19 de janeiro de 2019

Encontros aterrorizantes com o "Homem Sorridente" Ele Seria um Alienígena?

Nosso mundo é cheio de histórias de pessoas normais e anônimas que, enquanto vivem suas vidas diárias, têm um encontro com o inexplicável ou antinatural que desafia a lógica e a racionalidade. Quer se trate de luzes estranhas no céu  ou um encontro com uma aparição fantasmagórica , as histórias têm sido, e continuam a ser, contada por pessoas que, talvez por acaso, teve um encontro com algo que não podia explicar ou compreender facilmente .

Durante vários meses, no final de 1966, Point Pleasant, no estado americano de West Virginia, tornou-se o centro das atenções porque dezenas de pessoas relataram ter visto algo parecido. Esta criatura era conhecida como Mothman (Homem Mariposa). Essas reuniões foram um aviso do terrível evento que estava prestes a ocorrer nesta pequena cidade da Virgínia, o colapso da Ponte de Prata que resultou em 46 mortes. E enquanto a mídia americana relatou sobre o acidente, os encontros ocorreram com outra estranha criatura humanoide que foi ligada aos fenômenos ufológicos . Seu nome era "o homem sorridente (O Homem Sorridente)", porque em todos os encontros com esse ser, um dos elementos mais notáveis ​​é o sorriso maligno em seu rosto.

Avistamentos do homem sorridente

De acordo com John Keel, o pesquisador que revelou Mothman, "o homem sorridente" apareceu pela primeira vez em 1966 . Em seu livro intitulado "Estranhas Criaturas do Tempo e do Espaço" , Keel relata o que é considerado o primeiro encontro moderno registrado com esse ser de sorriso sinistro. Em outubro de 1966, duas crianças estavam andando por uma rua em Nova Jersey, no mesmo dia em que uma mulher relatou que estava sendo perseguida por um "homem alto e verde" . De repente, o mesmo homem apareceu na frente deles, de pé atrás de uma cerca, olhando para uma casa na frente das crianças.
O ser estava atrás deles, e ele usava um terno verde que refletia a luz das lâmpadas da rua . Ele sentiu os dois rapazes olhou para ele atônito, então ele se virou e começou a sorrir, um sorriso que ia de orelha a orelha. As crianças podiam ver seu rosto claramente. Naquela mesma noite, a poucos quilômetros de distância, a polícia recebeu chamadas de hastes pessoas afirmaram que viram um UFO branco muito brilhante, incluindo vários policiais testemunharam o objeto estranho no céu perto de uma lagoa. Muitos afirmaram que o homem misterioso era um ser extraterrestre.

Três semanas depois, um vendedor chamado Woodrow Derenberger afirmou ter tido uma reunião em uma rodovia com um ser de aparência estranha. Enquanto dirigia, ele viu o que parecia ser uma pessoa, então decidiu parar no caso de precisar de ajuda. Ele era um homem alto e careca, vestindo um terno azul metálico . Ele podia ver que seus olhos estavam ligeiramente alongados e seu sorriso estava demente. O homem misterioso deixou seu nome era Indrid Cold, e os dois tiveram uma estranha conversa telepática antes de a entidade sair, dizendo que eles se veriam novamente.

Este primeiro encontro aconteceu perto de Point Pleasant, o logar onde, duas semanas depois, eles começariam a relatar as aparições de Mothman . Derenberger alegou que Indrid Cold o visitou várias vezes, e que ele revelou a ele que ele era um alienígena de um planeta chamado Lanulos , localizado em outra galáxia. Além disso, o vendedor alegou ter visitado Cold em seu mundo natal e encontrado muitos outros seres como ele. Ele escreveu um livro explicando suas experiências, mas perdeu o emprego, a mulher e alguns dizem até a cabeça. Ele morreu em 1990 e alguns acreditam que sua obsessão com o homem sorridente acabou com sua vida.

Mas, além dos casos detalhados por Keel, outros também ocorreram fora das fronteiras dos EUA. De fato, uma criatura semelhante ao homem sorridente foi descrita em 1978 por um vigia italiano chamado Pier Fortunato Zanfretta. Ele alegou ter sido atacado por monstruosas criaturas extraterrestres e sob hipnose, forçado a subir em uma nave espacial. Em 3 de dezembro de 1978, Zanfretta ouviu uma pessoa estranha ligando para ele enquanto trabalhava em um posto de gasolina. Segundo sua descrição, ele era uma criatura humanoide com um rosto oval, vestido com um terno xadrez e uma espécie de camisa metálica. Embora o vigilante italiano não mencionou a qualquer momento se a criatura estava sorrindo ou não, suas roupas levou muitas pessoas para punir poderia ser a mesma "pessoa"  descrita por John Keel.

O que ou quem é realmente Indrid Cold?

Há relatos de "homens altos e sorrindo" sobre incidentes de criaturas noturnas , que está de pé em frente da cama tão assustador e às vezes até nas histórias de abduções alienígenas . Tem sido especulado que essas criaturas são híbridos humano-alienígena , seres de outros mundos, ou mesmo as próprias Homens de Preto .

No entanto, dizem os céticos Keel poderia ter inventado a entidade e histórias, ou incidente jovens apenas têm variado ocorreu em Nova Jersey para fazê-lo parecer mais estranho do que realmente era.

Quem era o misterioso humanoide que supostamente se chamava Indrid Cold? Ele é impossível de dizer, embora o fato de que muitos supostos encontros não tinha qualquer ligação real com a descrição do Derenberger de um homem de sorriso apareceu no mesmo tempo que os alegados avistamentos de OVNIs indica que Fria poderia realmente ser um ser extraterrestre . Mas o que ninguém pode negar é que essas são histórias realmente perturbadoras, e quem sabe, talvez você seja o próximo a ver o homem sorridente.

Você já teve algum encontro com o homem sorridente? É um ser extraterrestre, uma entidade fantasmagórica ou é simplesmente uma invenção?
Fonte
Mais um post by: EXTRATERRESTRE ONLINE

                                                Veja o Vídeo Abaixo:

domingo, 13 de janeiro de 2019

Terraplanistas Fretam Cruzeiro para ir até a 'BEIRADA DA TERRA'

A Conferência Internacional da Terra Plana decidiu fretar um navio de cruzeiro no ano que vem com o absurdo propósito de chegar aos limites da Terra; os organizadores do cruzeiro advertem, portanto, que não garantem chegar ao muro, mas asseguram que os viajantes encontrarão "evidências" suficientes para dar a viagem como proveitosa; "Será 'a maior', mais audaz e melhor aventura já feita", alardeia o site da organização

 A Conferência Internacional da Terra Plana (FEIC, na sigla em inglês) decidiu fretar um navio de cruzeiro no ano que vem com o absurdo propósito de chegar aos limites da Terra. Segundo uma parte dos seguidores desta corrente, que defende que a Terra não é esférica, o planeta acaba num muro de gelo que nos separa do espaço exterior, aonde pretendem chegar nesse cruzeiro. Será "a maior, mais audaz e melhor aventura já feita", alardeia o site da organização. A reportagem é do El País.

A FEIC anunciou o projeto em sua conferência anual, conforme noticiou o jornal britânico The Guardian. O ex-capitão naval Henk Keijer lembrou a esse jornal que todas as cartas náuticas e os sistemas de navegação foram desenvolvidos sob a premissa de que a Terra é esférica, a que navegação desse cruzeiro deverá ser "muito complicada" se a tripulação discordar disso.

"Os navios navegam baseando-se no princípio de que a Terra é redonda. As cartas náuticas são desenhadas com isso em mente: que a Terra é redonda", recorda o ex-capitão, acrescentando que os navios usam "um moderno sistema de navegação que se chama ECDIS, que proporciona uma grande melhora na segurança da navegação". A própria existência do GPS é outra prova de que a Terra é esférica, indica Keijer, já que o sistema se baseia em 24 satélites que orbitam a Terra. "Se fosse plana, três satélites seriam suficientes para proporcionar os dados", argumenta.

"Até onde sabemos, ninguém conseguiu ir muito além do muro de gelo e voltou para contar. O que sabemos é que ele cerca a Terra, serve para conter os oceanos e ajuda a nos proteger do que possa haver além dele", assegura a Flatpedia, a Wikipedia dos terraplanistas.

Os organizadores do cruzeiro advertem, portanto, que não garantem chegar ao muro, mas asseguram que os viajantes encontrarão "evidências" suficientes para dar a viagem como proveitosa. Além de navegar na beira do precipício, os terraplanistas poderão desfrutar de restaurantes e piscinas de ondas aptas para a prática do surfe. Não foi informado o custo de fretar o cruzeiro nem os preços dos camarotes. Questionada a respeito pelo The Guardian, a FEIC não respondeu.

Nos fóruns terraplanistas já foram publicadas fotos que "demonstram a existência desse muro". Na verdade, são grandes lâminas de gelo ártico que, ao se desprenderem de forma cada vez mais frequente devido ao aquecimento global, deixam grandes cortes verticais que se assemelham a muralhas.

A Sociedade da Terra Plana afirma que "as agências espaciais do mundo" conspiraram para falsificar "a viagem espacial e a exploração". "Provavelmente começou durante a Guerra Fria. A URSS e os Estados Unidos estavam obcecados em serem os melhores quanto a chegarem ao espaço, a tal ponto que cada um fingia seus feitos numa tentativa de seguir o ritmo dos supostos feitos do rival", afirmam.
Fonte
Mais um post by: EXTRATERRESTRE ONLINE

                                             Veja o Vídeo Abaixo:

sábado, 12 de janeiro de 2019

NASA detecta um imenso “buraco negro” no Sol

O Solar Dynamics Observatory, da NASA, detectou uma espécie de buraco coronal gigante no Sol.
A agência, no entanto, explicou que esse fenômeno não é exatamente um buraco, embora seja percebido dessa forma nas imagens capturadas. Na verdade, o fenômeno é gerado por áreas abertas do campo magnético do Sol através das quais são expelidas ao espaço correntes de vento solar que se movimentam em alta velocidade.

Normalmente, essas áreas se formam após um longo período de grande atividade solar. Sua dimensão é variável, podendo chegar a ocupar um quarto da superfície da estrela. Desta vez, considerando o tamanho do “buraco”, a NASA descreveu o fenômeno como “substancial”.

Espera-se que, nos próximos dias, as partículas solares desprendidas comecem a chegar à Terra. Ao interagirem com a magnetosfera terrestre, elas podem provocar auroras polares intensas.

A chegada das correntes solares pode interferir no funcionamento dos satélites e causar falhas nos serviços prestados por esses equipamentos. No entanto, a atmosfera do planeta protege seus habitantes da maior parte das partículas espaciais. Por isso, o fenômeno não traz riscos para os seres humanos.
Fonte:https://seuhistory.com 
Mais um post by: EXTRATERRESTRE ONLINE

                                                    Veja o Vídeo Abaixo:

quarta-feira, 9 de janeiro de 2019

''Alô, Terra'': sinais de rádio não param de chegar do espaço

Cientistas relatam repetidas explosões de sinais que viriam de uma galáxia a 1,5 bilhão de anos-luz no nosso planeta. Alienígenas ou explosões estrelares?
                                                            (foto: Nasa/Divulgação)

Cientistas detectaram repetidas explosões de sinais de rádio vindos das “profundezas do espaço”. Segundo artigos publicados na revista especializada Nature, é a segunda vez que uma explosão de rádio tão repetitiva é registrada por cientistas, o que aprofunda o mistério e amplia a possibilidade de, finalmente, se entender o que pode estar gerando essas ondas, que parecem vir de uma galáxia a 1,5 bilhão de anos-luz de distância da Terra.
Ao jornal britânico Independent, os autores dos artigos explicaram que as especulações sobre a origem dessas explosões abrangem quase tudo, desde explosões de estrelas até misteriosas transmissões feitas por alienígenas. Mas a verdade é que ainda há poucas evidências para cravar o que estaria provocando as ondas.

Os flashes duram apenas um milisegundo, mas, segundo os cientistas, são lançados com a mesma quantidade de energia que o Sol leva um ano inteiro para produzir. Coisa gigantesca. A mais intrigante das explosões registradas agora é uma que os cientistas viram se repetir seis vezes e que, aparentemente, vêm do mesmo local.

Se há duas, há várias

Até agora, se conhecia apenas uma sequência repetida de ondas. “Saber que há outra sequência sugere que pode haver mais delas pelo espaço e, com mais repetidores e mais fontes disponíveis para estudo, podemos ser capazes de entender esse quebra-cabeças cósmico, de onde elas vêm e o que causam”, disse a astrofísica Ingrid Stairs ao Independent.

“Detectar sinais repetidos provavelmente significa que exista uma população substancial deles e que a humanidade, provavelmente, os encontrará”, dizem os pesquisadores em um dos dois artigos sobre o assunto publicados na revista Nature.

Nos artigos da revista, os pesquisadores relatam que cerca de 13 das explosões ocorreram em apenas três semanas, oferecendo um novo e vasto conjunto de dados para os cientistas que pesquisam sua fonte. Juntos, eles podem oferecer alguma evidência do ambiente extremo ou incomum de onde as explosões estão vindo - ou a misteriosa tecnologia que supostas civilizações alienígenas poderiam estar usando para lançá-las no espaço.

Alta frequência

“Qualquer que seja a fonte dessas ondas de rádio, é interessante ver a amplitude de frequência que ela pode produzir. Em alguns modelos, a fonte não consegue produzir nada abaixo de uma certa frequência”, explica Arun Naidu, cientista membro da equipe da McGill University.

Resta esperar que as explosões de ondas de rádio se repitam e gerem novas conclusões científicas sobre a origem delas. O vídeo abaixo mostra a jornada de uma onda rápida de rádio pelo espaço. Assista:
Fonte
Mais um post by: EXTRATERRESTRE ONLINE

sábado, 5 de janeiro de 2019

Astronautas ouviram música estranha no lado oculto da lua e ficaram com medo de falar sobre

Recentemente, a NASA tornou pública uma gravação feita em maio de 1969 por astronautas da missão Apollo.
Nela, eles comentam ouvir uma “música” estranha enquanto passam pelo lado oculto da lua, também chamado de lado escuro, sem nenhum contato com a Terra.

Os três astronautas a bordo eram Thomas Stafford, John Young e Eugene Cernan. A tripulação escuta algo estranho e descreve o som como “um tipo de música espacial”.

“Você ouviu isso? Aquele som de assobio? Whoooooo”, diz Eugene na gravação. “Bem, isso com certeza é uma música estranha”.

Confira:


Aliens?
Quando os canais de comunicação com a Terra reabrem, os três não mencionam ter ouvido tal som bizarro continuamente por uma hora, temendo que o pessoal da NASA em Houston pensasse que eles estavam “loucos” e ficassem preocupados com seu estado psicológico.

Embora as transcrições das conversas dos astronautas das missões Apollo tenham sido divulgadas em meados de 1970, esta gravação em particular só surgiu agora. Talvez a agência espacial norte-americana não tenha discutido isso antes para não fomentar teorias da conspiração sem pé nem cabeça porque, ao tudo que indica, o ruído sinistro de baixa frequência não é uma orquestra alienígena.

Conforme relatado pelo site da CNN, infelizmente, é mais provável que o som seja apenas o resultado da interferência entre duas seções da nave espacial – o módulo lunar e o módulo de comando. Ambos tinham rádios e estavam ligados em proximidade um com o outro no momento do assobio.

Claro que esta hipótese não é definitiva. O astronauta Al Worden, que voou na Apollo 15, discorda de tal suposição, visto que astronautas estão acostumados com sons de suas próprias naves, mas ainda assim os três que ouviram esse barulho ficaram impressionados. Por outro lado, Michael Collins, piloto do módulo lunar na Apollo 11, também ouviu sons estranhos semelhantes durante a sua órbita da lua em julho de 1969, mas ficou tranquilo porque já sabia da possível explicação para eles. “Se eu não tivesse sido avisado sobre isso, teria me assustado muito”, ele escreveu em seu livro “Carrying the Fire”. [IFLS, Phys]
Mais um post by: EXTRATERRESTRE ONLINE


sábado, 29 de dezembro de 2018

Fenômeno estranho no céu sobre Barru Indonésia

Um estranho fenômeno climático foi registrado em Barru, South Sulawesi, na Indonésia, em 28 de dezembro de 2018. Existem vários vídeos no YouTube. Basta procurar por "Sky Barru Indonesia". Eu nunca vi algo assim antes. Se não fosse pela luz, parece um jato de água.
Mais um post by: EXTRATERRESTRE ONLINE

                                                Veja o Vídeo Abaixo: