Bolivia TRINIDAD catalunia Angola portorico dominica Chile México India Israel malasia noruega Australia Mozambique colombia Equador Camboya Bulgaria Romenia Costa Guatemala Polonia Lanka Suiza Vietnam Panama Finlandia Belgica Tailandia Bhutan San Domingo Peru

domingo, 20 de janeiro de 2019

Primeiro encontro com Aliens será chocante, aposta astrofísico de Harvard

Para Avi Loeb, existência de seres extraterrestres não é mera especulação
Imagem: Getty Images

Como será o primeiro contato da humanidade com extraterrestres? O presidente do departamento de astronomia de Harvard, Avi Loeb, projeta um encontro chocante, mas que entrará para história como um dos momentos mais marcantes. Em uma entrevista concedida ao jornal alemão "Der Spigel" em janeiro, Loeb, famoso pelos seus comentários sobre aliens, compartilhou suas expectativas pessoais. Para ele, é difícil prever como será a reação de humanos em um eventual encontro com extraterrestres, mas ainda assim palpitou. "Será chocante, porque nós temos vieses de nossas próprias experiências, imaginamos que outros seres são similares a nós. Mas talvez eles sejam radicalmente diferentes", projetou o astrofísico.

O presidente do departamento de astronomia de Harvard é um dos autores do estudo que apontou que o asteroide Oumuamua poderia "ser uma sonda totalmente operacional enviada intencionalmente para as proximidades da Terra por uma civilização alienígena". Loeb também imagina que as misteriosas rajadas rápidas de rádio podem ter origens de seres extraterrestres. A confirmação de qualquer uma dessas especulações seria, para ele, um marco na civilização humana. Se você pensar na história da humanidade, a perspectiva mudou conforme evoluímos, do indivíduo para a família, para a tribo, para um país e para continentes onde pessoas estão vivendo. 

Se encontrarmos outros seres além do planeta Terra, esse seria nosso maior passo Avi Loeb Loeb ainda argumentou que pensar em civilizações distantes não é especulação. Para sustentar sua lógica, o astrofísico citou o que ele chama de "princípio da modéstia cósmica". "Sabemos que existimos, então pelo menos um tipo de vida desenvolveu tecnologias avançadas. E sabemos que há condições semelhantes às da Terra em um quarto de todos os sistemas planetários em torno de outras estrelas. Por que, então, não haveria seres inteligentes em outros lugares? 

Nós, humanos, costumamos pensar que somos especiais, mas a história mostrou repetidas vezes que isso é uma ilusão", afirmou. O cientista recordou da crença que a Terra era o centro do Universo, desbancada com a descoberta de que ela girava em torno do Sol, "que gira em torno do centro da nossa galáxia, que é apenas uma em bilhões de outras no Universo". "Se há outros seres inteligentes por aí, há uma chance de eles serem muito mais avançados tecnologicamente do que nós", completou. Agora, se alguém tem dúvidas se Loeb leva o tema alienígenas na brincadeira, o astrofísico deixou claro que não é o caso. Quando perguntado sobre qual ET fictício era seu favorito, ele explicou que não curte ficção científica. O problema? Que esses filmes violam leis da física. "Nesses casos, não consigo aproveitar a experiência esteticamente."
Mais um post by: UFOS ONLINE

                                                    Veja o Vídeo Abaixo:

Nenhum comentário:

Postar um comentário